terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Memórias: Avenida Leopoldino de Oliveira

Esta é uma imagem de 1938 mostrando o córrego das Lajes num trecho próximo à Chácara dos Padres Dominicanos, onde hoje está localizado o Mercado Municipal. Essa foto é muito instigante pois mostra Uberaba numa época muito remota, apesar de nessa mesma época a mesma já ter completado um século de existência. Veja mais alguns detalhes sobre a nossa principal avenida, a Avenida Leopoldino de Oliveira:
  • Em 1928 terrenos foram desapropriados por utilidade pública com a finalidade de se construir uma Avenida ligando a Rua Artur Machado ao Mercado Municipal.
  • As obras de canalização do córrego das Lajes, juntamente com o calçamento de paralelepípedos, meio-fio, passeios de ladrilhos, curvas e terraplanagem entre as ruas Artur Machado e Segismundo Mendes começaram em 1937.
  • Foi contratado para a execução das obras o engenheiro Hugo Melo Matos de Castro, que abandonou as mesmas, fazendo com que essas fossem concluídas pelo engenheiro civil Abel Reis.
  • O Decreto nº50, de 05/03/1938 denominou o logradouro de Avenida Leopoldino de Oliveira.
  • A extensão da Avenida entre as ruas Artur Machado e Senador Pena se deu em 1939 e a execução dos passeios se deu em 1943.
  • A Portaria nº 301 de 18/01/1945 aprovou o prolongamento da Avenida entre as ruas Artur Machado e Jaime Bilharinho e também a construção das Avenidas Santos Dumont e Dr. Fidélis Reis.
  • Na década de 1970, a Avenida Leopoldino de Oliveira foi prolongada da Rua Jaime Bilharinho até a Rua Álfen Paixão no Bairro Mercês; e da Praça Coronel Manoel Terra até a Rua Osvaldo Cruz. 
  • Também na década de 1970 o córrego da Lajes foi coberto.
  • Com o crescimento da cidade, a Avenida Leopoldino de Oliveira foi se prolongando, entre as décadas de 1980 a 1990. A partir do Conjunto Habitacional Manoel Mendes, a Avenida recebeu o nome de Avenida Niza Marquês Guaritá, e a partir da Rua Álfen Paixão, na Univerdecidade, de Complexo Hugo Rodrigues da Cunha.
Fonte das informações: Site Uberaba-A história em fotos
Autor da foto: desconhecido
Autor da restauração: Paulo Lemos

Clique nas palavras sublinhadas para saber mais sobre o assunto. Não deixe de conferir breves relatos da história de Leopoldino de Oliveira clicando no link contido em "fonte das informações". 

2 comentários:

Everson disse...

Caramba, foto de 38, sensacional!

Róger.R.A.Raimundo disse...

Sensacional mesmo. Obrigado pelo comentário!